terça-feira, 8 de janeiro de 2013

Eu quero te amar sem restrições, sem condições, sem limites. Quero ver a minha imagem refletida em seus olhos todas as vezes que estiveres ao meu lado, mas que eu viva em seu coração mesmo estando longe de você. Desejo gritar aos céus o bem que você me faz, e o quanto sou feliz por ter-te em minha vida. Quero poder sentir o seu toque, os seus beijos e os seus abraços mais aconchegantes sem ter que esperar tanto tempo por isso; quero ser o teu prazer nas noites de calor, e cessar toda essa vontade que tenho de ti […] Estou me entregando inteiramente a um amor que pode não dar certo, estou correndo riscos para que eu finalmente seja feliz. Portanto, não solte de minha mão, esteja sempre aqui para eternizar esse grande amor que eu sonho presenciar ao seu lado, para sempre. — Emilly Antunes 

Nenhum comentário

Postar um comentário

© adorável psicose
Maira Gall