segunda-feira, 24 de junho de 2013

É aí onde muitos se enganam. Você não precisa fazer as piores coisas do mundo e se esconder atrás da frase “estou fazendo história para contar para os meus filhos”. Aposto que seus filhos vão se orgulhar muito mais de você sabendo que você foi bom e fez o melhor sempre que pôde.
(Cartas para Juliana)

Nenhum comentário

Postar um comentário

© adorável psicose
Maira Gall