quarta-feira, 10 de julho de 2013

"Minhas metas agora são: ser menos prestativo, estar menos disponível e aprender a dizer 10 nãos, antes do primeiro sim. Valorizam mais o que lhes faltam. Desvalorizam mais o que lhes sobra. Se com “olho por olho, dente por dente” o mundo acabar cego e banguelo, ainda assim ele já vai ter passado da sua expectativa de vida. Os maias previram 2012. Ano novo, é lucro. Se faltar carinho, busquem isso. Se sobrar farpas, usem-nas e façam palitos de dente." - Matheus Rocha

Nenhum comentário

Postar um comentário

© adorável psicose
Maira Gall