sexta-feira, 30 de janeiro de 2015

Espero que eu conserve essa capacidade quase doída de saber ver com os olhos da alma o lado bom das coisas. Porque sempre tem.

(Clarissa Corrêa)

Nenhum comentário

Postar um comentário

© adorável psicose
Maira Gall