sexta-feira, 6 de fevereiro de 2015

A gente nunca sabe se vai durar, se vai ser feliz ou se vamos acabar num canto lamentando. Mas podemos arriscar e descobrir. As variáveis nos dão medo e o medo trava todas as possibilidade, inclusive a de ser feliz. Não podemos ignora-lo, mas podemos enfrenta-lo. O medo, no final, é só uma desculpa.

Nenhum comentário

Postar um comentário

© adorável psicose
Maira Gall