segunda-feira, 2 de fevereiro de 2015

“Mas no fundo, eu sabia. Ele sempre estaria ali. Sendo no cheiro, na memória ou na saudade.”
JOHN GREEN.

Nenhum comentário

Postar um comentário

© adorável psicose
Maira Gall