terça-feira, 3 de março de 2015

Eu queria tanto me deitar ao lado dela, envolvê-la em meus braços e adormecer. Não queria transar, como nos filmes. Nem mesmo fazer amor. Só queria dormir com ela, no sentido mais inocente da palavra.
Quem é você, Alasca?

Nenhum comentário

Postar um comentário

© adorável psicose
Maira Gall