quinta-feira, 23 de julho de 2015

Eu não devia observar tanto, pensar tanto. Se vivesse mais no ar, era mais feliz. Quando a gente quer olhar tudo, acaba descobrindo o que há de feio no mundo.

Nenhum comentário

Postar um comentário

© adorável psicose
Maira Gall