segunda-feira, 26 de outubro de 2015

Que eu não perca a vontade de ajudar quem precisa, mesmo sabendo que muitos não fariam o mesmo por mim, que eu não perca a minha essência, mesmo que a vida queira me virar do avesso, que eu não tema os desafios da vida, mesmo sabendo que existem aqueles que querem meu fracasso, que minha felicidade não dependa de ninguém , mesmo sabendo que muitos se enganam com isso, que meu coração esteja sempre cheio de amor, mesmo sabendo que em muitos existe o ódio. E que eu não perca a esperança.

Marcela Polis

Nenhum comentário

Postar um comentário

© adorável psicose
Maira Gall