Enquanto houver
motivos para lhe amar
eu lhe amarei.
E quando motivos faltar
eu os inventarei.
— Carol Souza

Comentários

Anônimo disse…
Quando os motivos acabam, talvez seja o momento de mudar a história, virar a página ;x