quarta-feira, 30 de maio de 2012

E entenda que eu não quero mais o travesseiro como companhia… É você que eu quero abraçar a noite inteira. Sentir seu carinho durante o sono, olhar para você enquanto estiver dormindo. Dar beijos no seu rosto só para te despertar. E de manhã, te dar um belo “bom dia” para ficarmos o resto do dia nublado, deitados.
— Cabana dos Sonhos.

Nenhum comentário

Postar um comentário

© adorável psicose
Maira Gall