sexta-feira, 20 de fevereiro de 2015

A vida sem ternura não é lá grande coisa. 

(José Mauro de Vasconcelos)

Nenhum comentário

Postar um comentário

© adorável psicose
Maira Gall