Pular para o conteúdo principal
Porque amor a gente encontra aonde ninguém foi. E a gente percebe o amor naquela pessoa de um jeito bonito. E reconstruímos a ideia de que ‘para sempre’ existe. E não nos parece loucura dizer que o amor existe infinitamente. Foi assim com você: acredito em todas as possibilidades de salvação, em todas as possibilidades de cura, em todas as formas de felicidades entre nós, em nós, conosco.

"

Postagens mais visitadas deste blog

Era uma vez, mas eu me lembro como se fosse agora. Eu queria ser trapezista, minha paixão era o trapézio. Me atirava do alto na certeza que alguém segurava-me as mãos não me deixando cair. Era lindo , mas eu morria de medo , tinha medo de tudo quase: Cinema, parque de diversão, de circo, ciganos, aquela gente encantada que chegava e seguia. Era disso que eu tinha medo do que não ficava para sempre. Antônio Bivar

Só encontro você

Eu exagero nas palavras, mas nos meus versos eu só encontro você.